O Projeto

Print Friendly

O projeto

A Riviera de São Lourenço – o maior projeto de desenvolvimento urbano do litoral brasileiro – é uma realização da Sobloco Construtora S/A

O Plano Urbanístico da Riviera de São Lourenço, com seus quase 9 milhões de m2,  representa 1,8% da extensão territorial de Bertioga. Em sua fase atual, o empreendimento responde pela arrecadação de 36 milhões de reais por ano, em termos de IPTU e ITBI, (equivalente a cerca de 12 mil casas populares) representando mais de 50% da arrecadação total do Município neste segmento tributário.  Quando totalmente implantada a Riviera gerará aproximadamente R$ 60 milhões/ano, de arrecadação provenientes do IPTU e ITBI e responderá por mais de 70% da arrecadação do Município.

 

Desde os primeiros passos para a sua implantação, e até hoje, a Sobloco Construtora, empresa responsável pela realização deste projeto, vem planejando o uso e a ocupação do solo e realizando os investimentos necessários no campo do saneamento básico, garantindo padrões de excelência na defesa do meio ambiente e, ao mesmo tempo, criando condições de crescimento econômico com qualidade de vida. Os esforços de todas estas preocupações e cuidados urbanísticos culminaram na conquista da certificação com a norma ISO 14001, emitida pelo órgão certificador ABS Quality Evaluations, tornando-se desta forma, o primeiro projeto de desenvolvimento urbano a receber o certificado em todo o mundo.

 

Com este padrão de planejamento urbano a Riviera em seus 33 anos de existência, nunca foi atingida por falta de abastecimento de água, poluição da praia por efluentes de esgoto, enchentes, poluição sonora, do ar ou mesmo visual, ou de deficiências de mobilidade urbana. Pelo contrário; hoje o empreendimento incentiva o uso de bicicleta, já tendo 5 km de ciclovias e com planos de ampliar este equipamento; mantém um laboratório de controle ambiental que monitora as águas do empreendimento (água distribuída, esgoto tratado, canais de drenagem e balneabilidade da praia); realiza adensamento florestal, com espécies nativas da mata atlântica, tendo nos últimos anos, plantado mais de 45 mil mudas de espécies nativas.

 

Destaca-se no empreendimento da Riviera de São Lourenço a sua Associação de Amigos. São 500 funcionários, divididos em 4 setores: saneamento básico (coleta, tratamento e distribuição de água e coleta e tratamento de  esgoto); manutenção (gerenciamento de resíduos, conservação de ruas, praças, avenidas, áreas verdes, praia, canais de drenagem); segurança (monitoramento CFTV,  montada, motorizada e canina); e administrativo

 

Desenvolvimento com responsabilidade social

A Riviera, diante de seu tamanho, gera reduzidos impactos ambientais. Ela capta, trata e distribui a sua água; coleta e trata o seu esgoto. Ou seja, observamos indices zero de poluição das águas. Os canais de drenagem estão sempre limpos e a praia sistematicamente com a Bandeira verde da Cetesb.  Através de seu sistema de gerenciamento de resíduos sólidos, coleta-se mais de 12 toneladas por mês de recicláveis, evitando-se com isto destinos a aterros sanitários, ou mesmo, não sabidos, para este tipo de resíduo. A Riviera mantém trabalhos constantes de  manutenção das áreas verdes públicas, perpetuando assim, as características da flora local. Com amplos programas de remanejamento de Fauna, o empreendimento ajuda a preservar os animais que vivem na região. Com um sistema viário de rotatórias, o fluxo automotivo é facilitado, não havendo congestionamentos. Além disso, com mais de 5 km de ciclovias, incentiva-se o uso da bicicleta ao invés do carro, proporcionando menos poluição e mais saúde.

 

Governança

A Riviera é um empreendimento que vem sendo implantado há 33 anos sob a responsabilidade de uma única empresa, a Sobloco Construtora S.A. O planejamento deste bairro iniciou-se no final da década de 70 e suas normas de uso e ocupação do solo, vem sendo observadas até os dias de hoje. A Riviera dispõe do mais moderno sistema de gestão ambiental que uma cidade pode contar, sendo o mesmo certificado pela norma ISO 14001.

A Riviera mantém há mais de 10 anos, uma política ambiental que serve de guia aos seus públicos, sazonal e permanente.

Artigos

Investimento público em saneamento é prioritário

Estudo do Banco Mundial (BIRD), que acaba de ser divulgado pela ONU, demonstra haver 100 milhões de pessoas sem acesso a sistemas adequados de saneamento básico na América Latina, incluindo 70 milhões que não têm água encanada. No Brasil, menos da metade da população conta com redes de esgoto.

A desconstrução do futuro

3a Conferência das Nações Unidas sobre Habitação e Desenvolvimento Urbano Sustentável objetiva assegurar a renovação do compromisso em favor do desenvolvimento urbano sustentável.

Refugiados em seu próprio país

Uma das consequências mais cruéis das guerras e violência étnico-religiosa que ocorrem em vários países atualmente, além da morte de milhares de pessoas inocentes, é o grande número de refugiados, que, em 2015, atingiu um impressionante recorde: ao redor do mundo, quase 60 milhões de pessoas

Notícias

Nota de esclarecimento

Referente às obras dos Módulos 1 e 9, a Sobloco Construtora S.A., em respeito aos seus colaboradores, clientes, freqüentadores e à sociedade, esclarece. Saiba mais

Prefeitura municipal recebe o Módulo 24

Prefeitura Municipal de Bertioga reconhece a urbanização e aceita os logradouros públicos do Módulo 24, na Riviera.

História da Riviera

O Livro Riviera de São Lourenço - ontem, hoje ... registros, conta a história da Riviera com fotos a luta dos empreendedores para erguer esse projeto. Confira!